Apresentação

HISTÓRICO

Com o objetivo de aproveitar as oportunidades contidas no Programa de Apoio a Planos de Reestruturação e Expansão das Universidades Federais – REUNI, a UFSC desenvolveu um plano de expansão criando três novos Campi. As cidades contempladas com a expansão da UFSC foram: Araranguá, Curitibanos e Joinville. Os novos Campi estão sendo estruturados para oferecer Ensino, Pesquisa e Extensão destinados à formação interdisciplinar de profissionais de nível superior. Em março de 2011 iniciou o curso de Fisioterapia.

Nesses anos do curso de Fisioterapia, estão sendo desenvolvidos projetos em parceria com a Secretaria Municipal de Saúde, por meio de projetos de levantamento epidemiológico, educação em saúde e atendimento a população. Esse contato com prefeituras e comunidade fortalece a responsabilidade da universidade junto à população e, portanto, um curso de Pós Graduação em Ciências da Reabilitação estreitaria ainda mais essas parcerias já que muitos estudos serão realizados na região e beneficiarão uma série de indivíduos. Ainda, é válido ressaltar que o profissional será capacitado no contexto de saúde regional. Assim, o mesmo será apto a conhecer as diferenças no contexto regional de saúde e contribuir com suas pesquisas para o desenvolvimento da região. Esses aspectos demonstraram a importância da implantação de um programa de pós-graduação em Ciências da Reabilitação (mestrado stricto sensu) em uma IES pública nessa região. Esse novo curso permitirá aumentar o volume e a qualificação da mão-de-obra local, colaborará com a melhoria da infraestrutura, disseminará a cultura da pesquisa, da inovação e da prática profissional baseada em evidências.

O PPG-CR pretende dar continuidade à formação dos alunos do Curso de Fisioterapia, bem como atrair graduados em áreas de formação afins e/ou de outras instituições, dado o caráter interdisciplinar do PPG-CR. Além disso, a pós graduação na área de Reabilitação visa incentivar e possibilitar a pesquisa e a prática clínica assistencial associada a evidência científica, estimulando a integração ensino e pesquisa.

O PPG-CR em Araranguá é o primeiro de Santa Catarina e o único voltado à área de reabilitação na mesorregião sul, já que existe um programa de pós-graduação em Fisioterapia apenas na capital, Florianópolis. Além disso, o PPG-CR contempla alunos com diferentes formações. A experiência interdisciplinar, em nível de pós-graduação, será muito enriquecedora para alunos, docentes e população alvo dos projetos de pesquisas.

OBJETIVOS DO CURSO

O PPG-CR tem os seguintes objetivos: formação de pessoal qualificado para o exercício do magistério superior e de pesquisadores críticos e reflexivos na área da reabilitação e áreas afins; e desenvolvimento de novos conhecimentos, na área de Reabilitação, visando contribuir para a melhoria das instituições nacionais e internacionais. Pretende-se que o profissional formado seja preparado para exercer atividades de docência de nível universitário e inicie sua carreira como pesquisador; contribuindo assim para a ampliação do conhecimento na área de reabilitação e produção de evidências científicas nessa área e áreas afins. O PPG-CR espera receber graduados interessados na formação acadêmica e atuação profissional na área de Reabilitação com vistas ao aprimoramento do estado da arte deste saber.

ESTRUTURA GERAL

O PPG-CR consta de uma área de concentração: Fisioterapia. Essa área de concentração norteia a atuação dos pesquisadores a desenvolver estudos que reflitam o desempenho motor e funcional com foco na reabilitação em seres humanos ou modelo animal. As linhas de pesquisa incluem componentes necessários para a aquisição de um maior conhecimento do processo de reabilitação considerando estes aspectos. Os docentes do programa vem desenvolvendo pesquisas com enfoque na reabilitação, seja por meio de estudos pré-clínicos e clínicos, nas diferentes áreas de atuação.